fbpx
Administração
Para ajudar a cuidar da gestão do seu negócio.
Campanhas
Conteúdos de campanhas do Hybank.
Contabilidade
Entenda mais sobre finanças.
Geral
Outros temas para o microempreendedor.
Marketing
Dicas incríveis para o visual do seu negócio.
Pix
Novo meio de pagamentos para bancos no Brasil.
Regras de negócio
Dicas gerais para empreender melhor.
Vendas
Alavanque suas vendas com essas dicas.

Controle financeiro é crucial para pequenos negócios

Veja a importância do controle financeiro para os pequenos negócios e dicas de como fazer esse controle de maneira eficiente.

8 MIN LEITURA
16 DECEMBER 2020

À medida em que seu negócio cresce a complexidade da administração aumenta junto. Isso quer dizer que algumas atividades passam a demandar uma atenção mais especial e, talvez a principal delas, está relacionada ao controle financeiro.

O controle financeiro precisa ser feito da maneira mais adequada, pois isso irá garantir que o negócio cresça e se desenvolva saudavelmente. Nós sabemos que a organização financeira é um grande desafio para as pequenas empresas e que é difícil ter tudo sob controle.

Imagem retirada de giphy.com.

Mas calma! Nós vamos te dar algumas dicas de como o controle financeiro pode ser feito para que as suas chances de sucesso se multipliquem.

O que é controle financeiro

O controle financeiro é um processo útil e indispensável para o planejamento e a estruturação financeira do seu negócio. Entre os controles financeiros que existem dentro de um negócio, podemos citar:

  • Controle de contas a pagar e a receber;
  • Controle de estoques;
  • Fluxo de caixa;
  • Controle de margem de lucro.

O objetivo do controle financeiro é manter seu negócio com resultados positivos para que a jornada de crescimento seja mensurada e acompanhada de perto. Por isso, é importante organizar todos os dados e catalogar todos os bens da empresa.

Segundo o Sebrae, muitos pequenos negócios já fecharam as portas pela falta de controle financeiro. Uma das razões pelas quais é tão difícil fazer esse controle é que um único microempreendedor normalmente faz todo o trabalho.

O controle das finanças é a base para a sustentabilidade de qualquer negócio, mas principalmente dos pequenos. Manter os resultados positivos diante de um mercado que está sempre mudando exige que a gestão financeira esteja sempre em dia.

Calculadora de Lucratividade

A gestão financeira é o conjunto de ações e procedimentos administrativos relacionados ao planejamento, execução, análise e controle das finanças. Ou seja, o controle financeiro é de extrema importância para assegurar a qualidade da gestão financeira.

Separando as despesas

Para fazer um bom controle financeiro e, consequentemente, uma boa gestão financeira, é preciso separar o dinheiro do seu negócio do dinheiro das despesas pessoais.

Misturar as coisas pode ser fatal para sua empresa. Muitos negócios chegam à falência por gastarem mais do que o caixa da empresa tem, enquanto outros precisam tirar o dinheiro das contas domésticas para arcar com as despesas da empresa.

Quer uma dica? Tenha contas bancárias separadas! Abra uma conta com o seu CNPJ[1]  e mantenha outra como pessoa física para as suas finanças pessoais.

E se não tem CNPJ? Escreveria para abrir uma conta para as finanças do negócio e uma outra para finanças pessoais.

Também é importante definir o seu pró-labore (o seu salário). Para fazer isso, liste as tarefas que você executa, conheça os gastos e despesas mensais e defina um valor justo e de acordo com a realidade do negócio.

Vantagens do controle financeiro

Os pequenos negócios que conseguem manter um bom controle financeiro têm uma visão mais ampla sobre os gastos e ganhos, de maneira que desperdícios, receitas, lucratividade e faturamento sejam conhecidos.

Sendo assim, quando algum desequilíbrio financeiro for identificado, será mais fácil de resolver o problema sem sofrer muitos prejuízos. Veja algumas outras vantagens:

  • Melhoria no processo decisório: ter controle sobre os gastos do seu negócio irá lhe ajudar a ter uma base real e atualizada de dados para suas decisões;
  • Identificação de desperdícios: com as finanças sob controle, você consegue identificar quando está desperdiçando dinheiro em algo sem necessidade, como, por exemplo, um plano de internet muito caro que pode ser reduzido.
  • Tranquilidade financeira: concordamos que não é nada legal aquele sufoco de final de mês quando estamos no vermelho e não conseguimos quitar as contas, não é? Porém, se você fizer o controle financeiro do seu negócio bem direitinho durante o mês, vai chegar ao final dele com mais tranquilidade.

Dicas de como ter um controle financeiro eficiente

Agora que você já sabe como é importante manter o controle das suas contas, deve estar se perguntando como fazer isso em meio a tantas outras atividades que precisa desempenhar no seu negócio. Listamos abaixo alguns passos fundamentais para um bom controle financeiro:

01. Organize a casa: antes de qualquer coisa, é preciso organizar seus documentos, contas, contratos e outros, para que não fique perdido no meio de tantos processos e papéis;

02. Faça o controle de caixa: registre diariamente todos os valores gastos e recebidos, categorizando-os para saber de onde vieram e para onde foram. Não deixe para depois! Tendo controle sobre as entradas e saídas você consegue saber, por exemplo, qual foi o lucro dos últimos meses, quais despesas podem ser reduzidas e se é possível guardar dinheiro para investir;

03. Controle os inadimplentes: não é possível fazer uma gestão eficiente das contas se o seu negócio tem muitas pessoas devedoras. Portanto, adote alguns procedimentos de cobrança e estratégias para que isso não volte a acontecer. Uma dica é oferecer alternativas de pagamento e vantagens para quitar o débito;

04. Controle o estoque: tenha um registro detalhado de tudo o que há estocado e atualize sempre o histórico com as saídas e entradas de itens;

05. Crie um fundo reserva: nós sabemos que no início é difícil conseguir guardar algum dinheiro, mas assim que for possível, faça uma reserva, pois você poderá precisar desse dinheiro em casos de emergência;

06. Separe as finanças pessoais e empresariais: nós já falamos sobre isso lá em cima, mas é importante lembrar novamente, pois esse é um dos erros mais comuns nos negócios. Não separar as finanças facilita o descontrole das contas e isso pode resultar na falta de dinheiro para operações e obrigações. Portanto, abra uma conta com seu CNPJ e deixe outra para as despesas pessoais.

Quer outra dica? A conta digital do Hybank feita para microempreendedores, é a melhor opção para deixar você ainda mais no controle das suas despesas. Ela é simples e sem burocracia!

Compartilhe este artigo em:
Post anterior
Próximo post
Calendário MEI 2021
Os pequenos negócios e as tendências para 2021
E-mail inscrito com sucesso!
Ficamos felizes que queira receber nossas novidades. Acompanhe pelo seu e-mail novas postagens e notícias do blog.
Mensagem enviada com sucesso!
Agradecemos o envio da sugestão e com certeza levaremos em consideração para criar novos conteúdos para o blog.